Image Map

18 de nov de 2013

Super Star 1° Temporada: Capitulo 5

|

Pov Arthur
Meu Deus, ela beija muito bem!
Depois dela me expulsar do seu quarto, desço para ir para o hotel, quando abro a porta, vários cliques e ai fecho a porta.
...- Acho que vou ficar por aqui...
- Nããão! – Lua grita ao mesmo tempo que Mel grita dizendo ‘Siiim!’ – Não da ok?! Depois vai ser pior pra mim, pra Mel e pra você! É melhor sair agora pra enfrentar logo tudo.
- Para de ser chata Luh, vem Arthur, você dorme no quarto dela. –Mel pisca pra mim, e claro que ela deve ter si ligado que eu estava apaixonada por ela.
- Oiê? Nem pensar! –Lua diz emburrada fazendo biquinho *.*
- Luuuua!
- Quem é fã dele é você e não eu!
- Deixa Mel, eu durmo no sofá
- Nem pensar.
- Tchau Mel e tchau idiota, ninguém dormirá no meu quarto.
- Ta, então deixa ele pelo menos tomar banho no seu banheiro?
- AAAA, ok! -ela finalmente concorda- Cinco minutos.
Sorrio e entro no quarto dela e depois no banheiro.

Pov Mel
Eu sabia que meu ‘ídolo’ gostava dessa ‘bicuda’.
Mais seria um ótimo namoro entre eles. Tipo,ele e ela, ainhê iria dar mais que certo.
Mando ele tomar banho e depois Lua arruma sua cama e eu muito esperta fecho a porta e a tranco.
Lua da um grito e me xinga muito e fica batendo na porta. –sorte que os pais dela não estavam em casa- Saio sorridente e vou pro meu quarto. Guardo a chave e depois durmo.

Pov Arthur
Saio do banheiro, e nunca pensei que a Mel fosse fazer aquilo.
- Idiota! –Lua grita- Tudo culpa sua! EU odeio SUPER-STAR, odeio o senhor se acha AGUIAR e odeio também o fato de você ter nascido e sua história!.
- Ok, ela falar que me odeia,odeia S.S e odeia blá,blá,blá, tudo bem, mais ter odiado o fato d’eu ter nascido e a minha história já é outra história. – Como é que é? Me xinga,xinga a banda, mais ter odiado o fato d’eu ter nascido e minha história já é outra coisa. Você não sabe o que eu passei, minha história Blanco. Pra você saber, eu sou adotado, sofri muito no orfanato e nas ruas, tenho o que tenho hoje porque meu pais me ajudaram, você nunca soube o que é passar fome e frio, sem ter um MÃE pra ti abrigar. Você só conhece o meu nome, mais minha história não. Antes de falar mal de mim, procure saber primeiro o que eu passei. –doou um risada seca e fria e ela fica quieta- Você sabia que eu cheguei a me apaixonar por você? Pensar que um dia nosso beijo iria virar realidade? Não, você não sabia. Mais saiba que eu nunca me apaixonei como eu me apaixonei por você. Você é uma menina de sorte, mais eu não preciso de você, já basta! Não quero uma MENINA MIMADA, quero uma MULHER. –pego um coxão que tinha do lado e boto no chão.- Seja gentil uma vez na vida e me empreste pelo menos um lençol e travesseiro. Não quero passar frio de novo- como se ela estivesse hipnotizada, ela pega um lençol e travesseiro e me da- Obrigada! –e depois deita, se enrola e acho que foi dormir.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

*Nada de comentários do tipo "FIRST", indicando que você foi o primeiro a comentar. Isso é ridículo e não acrescenta nada à blogosfera.
*Críticas também são bem-vindas, mas tenha educação ao escrever.
*Só faça comentários a respeito do tema.
*Se quiser fazer propaganda, entre em contato pela c-box.
*Não envie comentários repetidos.
*Não agrida a equipe, por favor.

Agora é só comentar..

Design por: Deborah Sophia - Adapta��o do c�digo por: Bruna Oliveira - C�digo base por: Luiz Felipe